Menu

23 de Fevereiro, 2023

Análise. As novelas da SIC estão em crise?

Facebook

‘Flor Sem Tempo’ e ‘Sangue Oculto’ são as mais recentes apostas da SIC na ficção nacional. As duas não conseguiram roubar o primeiro lugar a ‘Festa é Festa’. Estarão as novelas do canal em crise?

É quase impossível não afirmar que algo vai mal nas novelas da SIC, nem que sejam os resultados. Há várias semanas que nenhuma consegue atingir a marca do milhão de espectadores, em média, e, pior que isso, é não conseguirem suplantar a galinha dos ovos de ouro da TVI.

A SIC já tentou com ‘Por Ti’, ‘Sangue Oculto’ e ‘Flor Sem Tempo’ roubar o primeiro lugar a ‘Festa é Festa’, sem sucesso. A novela cómica da TVI já conta com seis temporadas, abana com a chegada de nova concorrência, mas não cai.

Mas afinal, o que se passa com as novelas do terceiro canal?

A SIC tem as histórias com os melhores elencos, sem dúvida alguma, e a cada nova aposta consegue nomes mais importantes para a sua ficção. Em ‘Flor Sem Tempo’ conta, por exemplo no elenco secundário, com Alexandra Lencastre, Rita Blanco, Luís Esparteiro e Maria João Bastos. Será um erro não estarem na primeira linha? Começa a parecer que sim.

Contudo, se o problema não está nos elencos, onde pode estar?

Histórias pouco refrescantes

A SIC já tentou a disputa entre habitantes de duas aldeias, tentou três gémeas na mesma história, e até tentou a história de uma jovem lutadora em busca da mãe desaparecida. O facto é que o público não aceitou nenhuma das tramas e está, cada vez mais, a fugir para outras opções.

Está na hora de apostar numa opção mais leve ou mesmo num remake brasileiro adaptado à realidade portuguesa. Na última das hipóteses, porque não adaptar uma novela turca que estão tão na moda em Portugal?

Recorde-se que ‘Dancin Days’, uma co-produção com a Globo, é ainda hoje a novela mais vista de sempre da SIC.

Serão as novelas o caminho?

A verdade é que as novelas da SIC já não chegam ao milhão de espectadores e estão cada vez mais longe disso. Contudo, também a TVI sofre do mesmo mal, apesar de ‘Festa é Festa’ conseguir esse feito de vez em quando.

Provavelmente, a seu tempo, a aposta dos canais generalistas em horário nobre terá de passar por outro género de entretenimento, sob pena de perder de vez público para o serviços de streaming, como a NETFLIX.

Categorias: Tags: