Menu

21 de Julho, 2022

‘Teste de Fidelidade’. Polémico João Kléber está de volta à TVI

Reprodução

É já a partir desta sexta-feira (22/07) que João Kléber volta a ser aposta da TVI para os finais de noite, uma vez por semana. ‘Teste de Fidelidade’ é o nome original do formato brasileiro que foi trazido para Portugal por José Eduardo Moniz, em 2005, com o nome ‘Fiel ou Infiel’.

‘Teste de Fidelidade’, ou ‘Fiel ou Infiel?’ já foi a galinha dos ovos de ouro da TVI e vai agora tentar recuperar a liderança das audiências para o canal nos finais de noite de sexta-feira. Mais de 20 anos depois, José Eduardo Moniz decidiu recuperar o formato, na versão brasileira, que não é exibido há cerca de 10 anos do outro lado do Atlântico. 

A ideia do canal de Queluz de Baixo é fazer subir os números da reposição da novela ‘Na Corda Bamba’, que não consegue vencer a concorrente ‘Pantanal’, da SIC. A nova aposta é um produto original da Rede TV, o canal com menor audiência da televisão aberta brasileira.

O formato do ‘Teste de Fidelidade’ é simples: atores e atrizes testam um dos parceiros de um casal numa cena gravada e assistida em estúdio pelo parceiro/a da relação. Geralmente, a situação gera uma traição e as reações são quase sempre explosivas, chegando mesmo a agressões físicas.

A estreia de Kléber

Inicialmente, a TVI apostou na versão brasileira do programa e, em 2005, João Kléber rumou a Portugal para gravar uma versão com participantes nacionais. As primeiras cinco emissões do ‘Fiel ou Infiel’, segundo dados da Marktest, que fazia a medição das audiências na época, registaram 9% de audiência média e 51,8% de share. Para que se tenha uma ideia, a audiência conquistada não é muito diferente daquelas que registam as novelas nacionais de horário nobre hoje em dia. Por outro lado, o share obtido na altura só consegue ser replicado atualmente por partidas de futebol.

‘Você na TV’

Curiosamente, o apresentador brasileiro apresenta atualmente um programa chamado ‘Você na TV’, o mesmo nome do formato que ocupou as manhãs da TVI durante vários anos. Na Rede TV, as baixas audiências já obrigaram a várias reformulações.

Categorias: Tags: