Menu

14 de Outubro, 2021

Judite Sousa volta à televisão na CNN Portugal

Media Capital/Divulgação

Judite Sousa é a nova contratação da CNN Portugal anunciou, esta quinta-feira (14/10), o grupo Media Capital. Numa promoção lançada pelas redes sociais da nova estação televisiva, a jornalista mostra-se entusiasmada com o regresso ao pequeno ecrã naquele que considera ser “um ciclo novo”.

Depois de ter deixado a TVI, em novembro de 2019, a jornalista está de volta a Queluz de Baixo depois de cerca de dois anos longe do jornalismo. Agora, Judite Sousa é apresentada como um dos principais rostos do canal que tem estreia marcada para 22 de novembro

“Com uma longa carreira, a jornalista traz a sua experiência para o mais ambicioso projeto de informação do país”, é assim que a profissional é anunciada pelo Grupo Media Capital, detentora da TVI e da CNN Portugal.

Num vídeo de apresentação lançado esta quinta-feira, nas redes sociais, a comunicadora mostra-se confiante e entusiasmada com o seu regresso ao jornalismo e à televisão. “Sempre vivi para o jornalismo, fiz centenas de entrevistas, fui testemunha profissional dos factos mais marcantes que fizeram história nas últimas décadas. A marca CNN transmite-me eficácia na mensagem, na comunicação dos acontecimentos e dos protagonistas. eficácia na influência à escala mundial é isso que queremos fazer em Portugal”, afirmou Judite de Sousa no vídeo em que é revelado o seu regresso ao ativo.

30 anos de RTP e 8 de TVI

A conhecida jornalista é um dos rostos mais marcantes da televisão dos últimos anos, sobretudo pelas várias entrevistas que fez no canal público. 30 anos de ligação à RTP terminaram em fevereiro de 2011, quando decidiu mudar-se para a TVI. Nessa altura, ocupava o lugar de diretora-adjunta e conduzia o programa ‘Grande Entrevista’. Depois, rumou a Queluz de Baixo com o colega José Alberto Carvalho e ocupou o mesmo lugar que tinha no primeiro canal.

Na TVI esteve oito anos, tendo alguns picos na sua carreira. Recorde-se que Judite Sousa chegou a ser bastante criticada pelas suas reportagens após o incêndio que originou a “estrada da morte”, entre as quais fez uma intervenção ao lado de um cadáver. Antes, passou pelo momento mais difícil da sua vida quando perdeu o seu único filho.

Nuno Santos elogia a nova contratação

O diretor do novo canal, aproveitou também as suas redes sociais para elogiar a nova colega. “Quando trabalhámos juntos, ela na Direção de Informação e eu na Direção de Programas da Televisão Publica, algures no início do século, eu sabia sempre, mesmo que não falássemos quando – entre reuniões- ela “mexia”nos alinhamentos e quando mobilizava as equipas. Sentia-se. E o público, também sente”, recordou.


Além disso, Nuno Santos considerou ainda Judite Sousa como a “mais versátil jornalista de televisão das últimas 4 décadas”.

Categorias: Tags:


Tiago Lourenço