Menu

18 de Maio, 2021

Entrevista a Tony Carreira entre os programas mais vistos do ano

A primeira entrevista de Tony Carreira após o falecimento da sua filha, a 5 de dezembro, foi para o ar esta segunda-feira (17/05). A conversa com Manuel Luís Goucha, exibida pela TVI, foi o programa mais visto do dia e passou a integrar o top 10 dos formatos mais vistos do ano na televisão nacional.

Entrevista de Tony Carreira a Goucha
Manuel Luís Goucha/Instagram

A curiosidade sobre o estado em que se encontra o cantor era muita, algo que ficou comprovado com as audiências desta segunda-feira. A entrevista de Tony Carreira à TVI dominou do início ao fim e registou 17,9% de rating e 31,9% de share. Em média, o momento conduzido por Manuel Luís Goucha foi acompanhado por cerca de 1 milhão e 691 mil espectadores.

Com este valores, a entrevista passou a figurar na oitava posição entre os mais vistos do ano, tornando-se no programa não-informativo ou transmissão desportiva mais vista do ano. À frente, figuram apenas jogos de futebol e o debate presidencial entre Marcelo Rebelo de Sousa e André Ventura, líder do Chega, exibido pela SIC no início do ano.

Tony Carreira ajudou a embalar a restante programação da TVI. ‘Festa é Festa’ voltou ao posto de novela mais vista, levando a melhor frente a ‘Amor Amor’.

‘Orgulho e Paixão’ domina na estreia

A SIC estreou uma novela novela nos finais de tarde e voltou a conquistar os espectadores do horário. Emitida entre ‘Viver a Vida’ e ‘Êta Mundo Bom’, que está prestes a terminar, ‘Orgulho e Paixão’ foi líder de audiências.

A trama brasileira de 2018, protagonizada por Nathalia Dill e Thiago Lacerda, registou 7,1% de audiência média e 20,7% de quota de mercado. Estes números correspondem a cerca de 667 mil espectadores, em média.


No final das contas, a SIC voltou a ser o canal favorito dos portugueses ao alcançar 21,5% de quota de mercado. Mais perto do que o habitual, a TVI registou 20,9%. A RTP1 não teve hipótese e ficou-se pelo terceiro lugar com 11,2% de share.

Os dados apresentados são da responsabilidade da CAEM/GfK. FonteEspalha-Factos

Categorias: Tags: