Menu

22 de Dezembro, 2020

Opinião. ‘Abraços Com História’ foi um importante murro no estômago

‘Abraços Com História’ foi exibido na SIC, no sábado (19/12) à noite, e mostrou uma iniciativa em que idosos a viver em lares puderam, de alguma forma, sentir o calor dos seus familiares de uma forma segura. O programa foi um verdadeiro murro nos estômago para os espectadores, sobretudo para aqueles que não têm ninguém naquela situação.

Abraços Com História
Reprodução SIC

‘Abraços Com História’ já tinha sido uma rubrica do ‘Casa Feliz, mas a SIC decidiu juntar todos os momentos e exibi-los em horário nobre. A decisão do canal fez, obviamente, com que mais portugueses pudessem acompanhar os vários momentos, tal como eu, e se pudessem aperceber de uma realidade duríssima pela qual passam os idosos em tempo de pandemia.

Infelizmente, já não tenho idosos para cuidar e, como tal, não tinha a perfeita noção da tamanha dor pela qual uma grande parte deles vive desde que a Covid-19 foi descoberta em Portugal. Atualmente, vivem num limbo entre manterem-se saudáveis e estarem afastados dos seus entes queridos.

A SIC proporcionou a alguns deles um encontro seguro e mostrou-o. Dir-me-ão talvez que a estação procurou audiências com a exibição da “desgraça alheia”. Eu , pelo contrário, penso que o canal fez serviço público com os envolvidos e com aqueles que se deixaram envolver pelas imagens.

Todos os minutos valeram mais do que muitas reportagens realizadas por qualquer serviço informativo até agora. Todos nós sofremos com a pandemia, mas realmente há quem esteja a sofrer muito mais. Os idosos, que mereciam agora descansar e serem felizes com aqueles que mais amam, têm de passar por mais uma provação e isto se conseguirem sobreviver.

O canal de Paço de Arcos merece ser parabenizado pela iniciativa e por mostrar, mais uma vez, que ainda é possível fazer-se boa televisão com um verdadeiro propósito. Afinal, é para isso que ela também serve.

Categorias: Tags: