‘Eurovision: Europe Shine a Light’ desilude nas audiências

eurovision
Fotografia.: EBU / Kris Pouw

O ‘Eurovision: Europe Shine a Light’ foi transmitido em diferido, na RTP1, este sábado à noite (16/05). O espetáculo que substituiu o ‘Festival Eurovisão da Canção’ perdeu cerca de 500 mil espectadores desde o início ao final da transmissão.

O novo coronavírus obrigou a EBU, entidade que organiza o certame, a cancelar o espetáculo deste ano. Em substituição, foi emitido um especial em que foram apresentados os concorrentes deste ano e relembrados grandes sucessos.

A RTP decidiu não transmitir o especial em direto, marcando o início para as 21H00. O programa arrancou com mais de 800 mil espetadores, mas foi perdendo público ao longo da noite.

No final, e após cerca de duas horas de emissão com os comentários de Nuno Galopim, o ‘Eurovision: Europe Shine a Light’ contava apenas com 300 mil espetadores.

No final das contas, a transmissão do canal público registou 5,2% de audiência média e 9,7% de quota de mercado. Este valor ficou muito abaixo das apostas das estações privadas.

Elisa era a representante de Portugal do ‘Festival Eurovisão da Canção’ deste ano com a canção Medo de Sentir. A pandemia provocada pela Covid-19 impediu-a de representar o país e ainda não foi decidido pela RTP se se mantém como concorrente no próximo ano. Decisão idêntica já foi tomada por alguns países relativamente aos cantores selecionados em 2020.

No final do programa foi confirmado que o certame do próximo ano se vai realizar em Roterdão, nos Países Baixos.

Os dados apresentados são da responsabilidade da CAEM/GfK. Fonte: Espalha-Factos.com

%d bloggers like this: