Opinião| Fique em casa mas vá à missa

missa TVI

O título deste artigo é, obviamente, uma ironia. No domingo (15/03), a TVI transmitiu em direto uma missa numa altura em que o país se vê a braços com a pandemia do coronavírus. A cerimónia foi transmitida a partir da Igreja Paroquial de São Pedro, em Torres Novas.

A igreja católica suspendeu todas as celebrações a 13 de março e, sobretudo por isso, não se entende tal situação.

Até agora, a TVI foi o único canal generalista português que suspendeu a sua programação habitual diária e a substituiu por um especial sobre o Covid-19, no qual junta entretenimento e informação. Todas a preocupações e ações que o canal teve relativamente ao coronavírus perderam todo o sentido com esta decisão.

Mais irónico ainda é que, enquanto a missa era transmitida em direto, no canto superior direito a TVI colocou a mensagem: “Fique em casa”. A cerimónia, provavelmente, decorreu à porta fechada pela quase ausência de fiéis, mas isso não invalida que pelo menos 30 pessoas estivessem presentes.

Sobretudo nesta altura, qualquer canal de televisão tem um poder imenso de informar e educar os espectadores. A televisão é, nesta altura, o veículo de informação a que mais os portugueses recorrem para terem a noção da situação que o país atravessa de forma fidedigna.

Exibir uma missa em plena pandemia descredibiliza qualquer canal.

Mais atenção, por favor!

%d bloggers like this: