Quando uns não querem

A Liga dos Campeões é um garante de excelentes audiências. A RTP tem, desde sempre, comprado os direitos desta competição.

Nos últimos três anos, o canal do estado pagou 5,75 milhões de euros por cada época. O investimento é grande, mas o retorno também não deve ser pequeno.

Os resultados que os jogos das equipas portuguesas fazem, especialmente os do Benfica, chegam, com facilidade, aos programas mais vistos de cada ano.

A situação financeira do país e especialmente do Estado português, ditaram o fim da compra dos direitos da competição pela RTP. Assim, o canal público fica sem os conteúdos e os bons resultados, mas poupa em dinheiro.

Quando uns não querem estão outros desertos e esta podia ser uma boa oportunidade para a SIC e a TVI poderem usufruir da Liga dos Campeões. Pelos vistos a crise instalou-se também no canal de Pinto Balsemão. A SIC nem sequer entrou no campeonato das propostas, ao contrário da TVI.

Assim sendo, o canal de Queluz de Baixo deverá ter, nos próximos três anos, os direitos de transmissão de alguns jogos da Liga dos Campeões a preço de saldo, muito provavelmente, já que não existe concorrência na compra desses mesmos direitos.

Deixar uma resposta

%d bloggers like this: